Transporte público nas Olimpíadas 2016: dicas para se locomover no Rio de Janeiro

Olimpíada 2016 no Rio de Janeiro vai do dia 5 a 21 de agosto e uma das principais preocupações tanto dos moradores da cidade quanto dos turistas que irão aos jogos é em relação aos deslocamentos. A melhor alternativa é o transporte público, forma mais rápida e econômica de ter acesso aos locais de competição, que ficam em 15 pontos diferentes da cidade. Esse post explica melhor como ir a cada um deles, como cada transporte funciona/custa e também mostra as opções para quem chega na cidade.

Já acompanha o blog nas redes sociais? 
Curta a página no Facebook e siga no Instagram e no Twitter.

Como chegar aos locais dos Jogos Olímpicos

O site G1 fez um especial detalhado com as  orientações e infográficos mostrando como chegar a cada um dos locais onde haverá competições. Coloquei os links abaixo:

– Estádio do Maracanã: abertura e encerramento, futebol feminino e masculino, vôlei feminino e masculino. Endereço: Av. Maracanã s/n.

– Sambódromo: tiro ao arco, maratona masculina e feminina. Endereço: Rua Marquês de Sapucaí, s/n Centro.

– Estádio Engenhão: futebol e atletismo. Endereço: Rua Arquias Cordeiro, 1.100, Engenho de Dentro.

– Parque Olímpico: basquete, ciclismo de pista, esgrima, ginástica artística, ginástica de trampolim, ginástica rítmica, handebol, judô, luta greco romana, luta livre, nado sincronizado, natação, polo aquático, saltos ornamentais, taekwondo e tênis. Endereço: Av. Embaixador Abelardo Bueno, 3401/40 – Barra da Tijuca.

– Riocentro: badminton, boxe, levantamento de peso, tênis de mesa. Endereço: Avenida Salvador Allende 6.555 – Barra da Tijuca.

– Campo Olímpico de Golfe: golfe. Endereço: Avenida das Américas 10.033 – Barra da Tijuca.

– Pontal: ciclismo de estrada, ciclismo de estrada contrarrelógio e marcha atlética. Endereço: Av. Lucio Costa, S/N – Praça Tim Maia – Recreio.

– Forte de Copacabana: ciclismo de estrada, maratona aquática e triatlo. Endereço: Praça Coronel Eugênio Franco, 1 Posto 6 –  Copacabana.

– Arena do Vôlei de Praia: vôlei de praia. Endereço: Avenida Atlântica, na altura da Avenida Princesa Isabel – Copacabana.

– Estádio de Remo da Lagoa: canoagem de velocidade e remo. Endereço: Avenida Borges de Medeiros 1.524 – Lagoa.

– Marina da Glória: vela. Endereço: Av. Infante D. Henrique, s/nº – Aterro do Flamengo – na Glória.

– Centro Olímpico de Tiro: tiro esportivo. Endereço: Avenida Brasil 27.195 – Centro de Instrução de Gericinó – Vila Militar – Deodoro.

– Centro Olímpico de Hipismo: hipismo. Endereço: Rua Salustiano Silva, 928, Magalhães Bastos.

– Parque Radical: canoagem slalom, ciclismo BMX, ciclismo mountain bike. Endereço: Estrada Marechal Alencastro 1.357 – Vila Militar – Ricardo de Albuquerque.

– Centro Aquático Deodoro: pentatlo moderno, hóquei sobre grama, basquete, rugby. Endereço: Estrada São Pedro de Alcântara, 2.020.

Quem não conseguir ingressos para os Jogos Olímpicos poderá assistir à transmissão das competições em um espaço montado na Praça Mauá, onde também haverá vários shows.

boulevard-olimpico-praca-maua-rio

Transporte nas Olimpíadas

Ônibus

transporte-rio-de-janeiro-olimpiadas-onibus

A frota será aumentada durante os jogos. No site Cidade Olímpica é possível conferir todas as linhas de ônibus do Rio de Janeiro e os trajetos. Preço da passagem: R$ 3,80.

Além disso, quatro novos serviços de ônibus foram criados especialmente para as Olimpíadas com o objetivo de facilitar o acesso aos locais de competição: Vila Militar-Recreio dos Bandeirantes; Centro Olímpico-Jardim Oceânico; Centro Olímpico-Vicente de Carvalho; Golfe Olímpico-Jardim Oceânico. Haverá, ainda, uma linha especial noturna do BRT Barra/Zona Sul/Centro, que funcionará de meia-noite às 2 da manhã, saindo do Terminal Centro Olímpico e passando pela Zona Sul (de São Conrado até o Largo do Machado) e pelo Centro (Cinelândia, Praça XV, Candelária e Central).

Metrô

transporte-rio-de-janeiro-olimpiadas-metro

São duas linhas “criativamente” chamadas de 1 e 2. A Linha 1 vai da estação Uruguai, na Tijuca, a General Osório, em Ipanema. A Linha 2 vai da Pavuna, na Zona Norte, a Botafogo, na Zona Sul. Preço da passagem: R$ 4,10 (unitário). Em algumas estações há integração com linhas de ônibus que levam a outros bairros ainda não atendidos pelo metrô. A Linha 4, recém-inaugurada, vai funcionar durante os jogos para quem tiver o Cartão Olímpico (mais informações abaixo) e o ingresso. É meu meio de transporte preferido. Se dá pra ir de metrô, vou de metrô!

Vi em algumas estações esse painel que indica as linhas de acordo com o local onde haverá competições. O foco ficou ruim e não dá para ler, mas fica a dica para procurar antes de embarcar. Acredito que deve estar tem todas as estações, assim como pontos de informações turísticas.

metro-rio-olimpiadas

Trem

São 102 estações entre a Central do Brasil e bairros da Zona Norte, Zona Oeste e Baixada Fluminense. Preço da passagem: R$ 3,70 (unitário), R$ 6,60 (integração trem e ônibus) e R$ 6,50 (integração trem e metrô). Cerca de 700 mil pessoas se locomovem diariamente nos trens e, para as Olimpíadas, a expectativa é de um aumento de 2 milhões de passageiros.

BRT

Além das duas linhas já existentes (Transcarioca Galeão-Alvorada e Transoeste Santa Cruz-Alvorada), haverá novidades durante os jogos: Alvorada-Bosque da Barra; Transolímpica (Vila Militar-Recreio, Jardim Oceânico-Centro Olímpico, e Vicente de Carvalho-Centro Olímpico); e, para quem tiver o Cartão Olímpico (mais informações abaixo), o trajeto Jardim Oceânico-Golfe no Transoeste das 5h às 18h. As demais estarão funcionando durante 24 horas.

VLT

transporte-rio-de-janeiro-vlt

Faz os trajetos Praia Formosa (Rodoviária)-Santos Dumont e Parada dos Navios (Praça Mauá)-Santos Dumont. Preço da passagem: R$ 3,80. Não aceita dinheiro, apenas bilhete eletrônico, que pode ser adquirido nas maquininhas próximas aos locais de embarque. E atenção! As maquinhas não fornecem troco. O bilhete físico custa R$ 3,00 então para quem não tem ainda, a compra inicial (bilhete + 1 passagem) sai a 6,80. Então se só tiver notas grandes, vai ter de colocar o valor todo e ir usando depois… É até algo prático, mas se for fazer só um trajeto, é bom ter trocadinho porque senão acaba sendo um gasto inútil.

Táxi e Uber

transporte-rio-de-janeiro-olimpiadas-taxi

A orientação é dar prioridade aos transportes públicos e evitar os carros, mas, se for inevitável, sugiro chamar um táxi ou um Uber. Para táxis, minha dica é baixar um aplicativo – eu uso o 99Táxis, disponível para Android e iOS. O aplicativo do Uber também está disponível para Android e iOS e tem preços mais competitivos. Se for a sua primeira corrida, basta usar o código ugmjhtn8ue para ganhar um desconto. =)

Deslocamento na chegada ao Rio

Aeroporto Santos Dumont

Para quem chega pelo Santos Dumont, a melhor opção é o VLT, que passa bem na entrada do aeroporto e vai até a Cinelândia, onde há a estação de metrô de mesmo nome. De lá, basta pegar o metrô para o destino desejado. O VLT também vai até a Rodoviária e a Praça Mauá.

aeroporto-rio-de-janeiro

Aeroporto do Galeão

Há diversas linhas de ônibus que saem do Galeão com diferentes destinos: Alvorada-RIOGaleão (via orla da Zona Sul ou via Linha Amarela), Aeroporto Santos Dumont-RIOGaleão (via Linha Vermelha, com parada ou via Avenida Brasil/Presidente Vargas), Charitas-RIOGaleão. No site do aeroporto há mais detalhes sobre horários e preços.

Rodoviária Novo Rio

Saindo pelo portão de desembarque, à direita fica o Terminal Henrique Otte, ponto inicial de diversas linhas de ônibus que atendem toda a cidade. A linha 133 faz integração com o metrô na estação Estácio. No site do terminal é possível consultar todas as linhas e horários.

Encontre o melhor hotel para se hospedar no Rio de Janeiro! 
Você não paga nada a mais e ainda ajuda o blog:
    
    Booking.com

Cartão Riocard Olímpico

Uma boa alternativa é comprar o Cartão Olímpico, que dá acesso a todos os meios de transporte (menos barcas) entre 1º de agosto até 18 de setembro (encerramento dos Jogos Paralímpicos). Há três tipos: de um dia (R$ 25,00); de três dias (R$ 70,00); e de sete dias (R$ 160,00).

Os cartões – à venda nas estações de metrô, trem e BRT, rodoviária, aeroportos e também pela internet – são pessoais e intransferíveis e podem ser usados num intervalo mínimo de 30 minutos entre uma passagem e outra no mesmo meio de transporte.

Os dias 5, 18 e 22 de agosto serão feriados no Rio de Janeiro, sendo, respectivamente: data da cerimônia de abertura; data da prova de triatlo com fechamento de diversas ruas principalmente em Copacabana; e data seguinte ao encerramento, quando mais de 100 mil pessoas devem embarcar no Aeroporto do Galeão. O comércio funcionará parcialmente nesses dias.

* Com informações do Portal Brasil e do G1.

Gostou? Compartilhe!Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0Share on Google+0Share on LinkedIn0Email this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *