Lugares para vivenciar a cultura japonesa em São Paulo

cultura-japonesa-sp-bairro-liberdade

Não é difícil encontrar lugares para conhecer e vivenciar um pouco da cultura japonesa em São Paulo. Afinal, a cidade tem a maior população de japoneses do mundo – fora do Japão, claro – o que faz com que haja muitos pontos onde o estilo de vida, a gastronomia, a arquitetura e outros fatores estejam presentes.

Foi pensando nisso que a Patrícia Takehana, do Blog Bagagem de Memórias, criou o Japão.br, lançado em 2018, quando se comemorava 110 anos da chegada dos primeiros imigrantes japoneses no Brasil. O projeto tem como objetivo reunir blogueiros de diferentes partes do Brasil para divulgar ainda mais a cultura japonesa.

E na minha viagem mais recente a São Paulo tive a oportunidade de participar, junto com outros blogs, de uma edição pocket do Japão.br, que aconteceu em um único dia (as edições tradicionais acontecem em três dias).

Leia também:
Passeios gratuitos em São Paulo
Melhores grafites em São Paulo

Lugares com cultura japonesa em São Paulo

Eu adorei participar do Japão.br! Mesmo com pouco tempo, foi possível conhecer e aprender muita coisa! Aqui mostro alguns lugares com cultura japonesa em São Paulo, por onde passamos ao longo do dia.

cultura-japonesa-sp-bairro-liberdade

Blogueiros de viagem participantes do Japão.br

Museu Histórico da Imigração Japonesa no Brasil

Começamos o dia no Museu Histórico da Imigração Japonesa no Brasil, onde o Sr. Paulo Takeda nos explicou tudo sobre a história da vinda dos imigrantes para o Brasil a partir de 1908, além de termos tido contato com fotografias, objetos e muita informação.

Uma história que tem seus momentos tristes, de muita luta, de muita dificuldade, de pessoas que deixaram seus países e vieram para cá sonhando com uma vida melhor. Mas também é bonito ver como conseguiram construir tanto e como têm uma cultura tão forte e tão rica. E sempre bom pra gente lembrar que o Brasil deve muito da nossa história aos imigrantes.

Bairro da Liberdade

Como já estávamos pelo bairro da Liberdade, foi hora de conhecer mais sobre a história do local, que no passado era uma região de periferia e teve muitos acontecimentos ligados ao período escravocrata.

Quando os japoneses foram chegando, se instalaram por lá por ser uma opção barata e, aos poucos, deram uma nova cara ao bairro, que hoje tem características bem orientais, com jardins, portal, as tradicionais lanternas vermelhas que viraram marca registrada da região, e também lojinhas de produtos típicos e restaurantes.

Leia também:
Dicas de hospedagem em São Paulo

Restaurante Yamaga

Para o almoço do dia a escolha não poderia ser outra: comida japonesa! Entre os muitos restaurantes de comida japonesa no bairro da Liberdade, o escolhido foi o Restaurante Yamaga, com pratos excelentes e muitas opções de combos no cardápio.

cultura-japonesa-restaurante-na-liberdade

Hachi Crepe & Café

Depois de andar um pouco mais pelo bairro, fechamos o passeio com a sobremesa! Um crepe doce japonês, especialidade da casa. O que escolhi tinha sorvete, cobertura e tudo mais. Também há opções salgadas, veganas e sem glúten.

cultura-japonesa-sp-cafe-na-liberdade

Outros lugares em São Paulo com cultura japonesa para conhecer:

– Bunkyo – Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e Assistência Social

– Pavilhão Japonês do Parque do Ibirapuera

– Japan House na Avenida Paulista



Booking.com

Saiba mais sobre a cultura japonesa em São Paulo

Aproveitei a ocasião para ter um “Dedo de Prosa” com a Patrícia. No vídeo ela falou um pouco sobre a história dela, que é descendente de japoneses, e de sua ligação com a cultura japonesa. Também contou de viagens ao Japão e do surgimento do projeto, além de dicas de lugares em São Paulo. Assista! E acompanhe mais no blog Bagagem de Memórias e no instagram @japao.br

* Foto principal: Rogério Cassimiro/Flickr MTur

Conheça meu livro de crônicas "Eu não quero chegar a lugar algum" e entre em contato para adquirir o seu no formato digital ou físico.
Gostou? Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
0Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email