Check-in #19 – Março/18

Tenho repensado muita coisa e março foi um mês de organizar melhor tudo isso na minha cabeça (ou, pelo menos tentar), para começar a caminhar nessa nova direção que talvez eu tome. Estou animada, mas por enquanto vou manter o suspense, até porque não tem nada definido, só ideias soltas… E foi o mês da mulher, né! Que é algo que sempre vale falar, discutir, é uma luta ainda atual!

Para ler meu check-in dos outros meses clique aqui.

Na playlist

Para começar, um show que eu tinha loucura para ir e nunca tinha conseguido: Maria Bethânia. Uma das cantoras – e uma das mulheres – que mais admiro e sou fã. Primeira vez que a vi ao vivo e, como era gravação do DVD, foi uma coletânea de grandes sucessos. Coisa mais linda ver essa diva de perto. Enquanto o DVD não sai, fico ouvindo outras versões. Essa música é das minhas preferidas da vida!

Na mídia

Essa notícia me tocou tanto! Uma empresa em São Paulo estava com problemas em relação à limpeza e resolveu criar um relatório para que os funcionários do setor preenchessem, facilitando o controle. E aí descobriram que 50% dos profissionais (terceirizados) não sabiam ler!!! Ao invés de substituir a equipe, tiveram uma outra ideia: oferecer algumas aulas de alfabetização. Teve até formatura para celebrar! “As pessoas não são descartáveis. Eu não queria que alguém passasse pela minha vida sem ter o meu melhor, sem que eu pudesse tentar. Então, eu não queria que eles saíssem daqui um dia e continuassem tendo aquelas profissões por que eles não tinham escolha”, disse Nátaly Bonato, a autora da ideia. Leia mais no Razões para Acreditar – aliás, adoro esse site que sempre divulga notícias positivas. Tem muita coisa boa acontecendo por aí e, geralmente, não têm na mídia o espaço e a repercussão que as coisas ruins têm…

Curta a página do blog no Facebook!

Na telona

Desde o lançamento de “Como nossos pais” eu li tanta coisa a respeito, acompanho a Maria Ribeiro (que protagoniza a história) pelas redes, então tudo que era crítica, opinião, publicações sobre as premiações, enfim… Consumi tudo aquilo, mas acabei não assistindo na época. Só agora assisti e nem sei exatamente o que dizer. Acho que toda mulher vai se identificar em pelo menos algum ponto com a personagem Rosa. Como profissional, como mãe, como filha, como esposa, como mulher mesmo. É um filme de/para mulheres e, agora escrevendo, me dei conta de que acabei assistindo e pensando tanto a respeito bem no mês da mulher. Um filme sensível e forte, atual, pra gente refletir juntas.

Na wishtlist

Preciso (sim, o verbo é precisar mesmo) de uma bolsa marrom ou caramelo, algo de tom neutro e modelo neutro, nem tão grande que não dê pra usar toda hora, nem tão pequena que não dê pra usar hora nenhuma. Tenho várias bolsas, de diferentes tamanhos e cores, mas sabe uma assim basicona que vai com tudo o tempo todo? É essa que eu estou desejando. Só falta achar, porque quando eu crio uma coisa na minha cabeça, fica mais complicado encontrar na vida real algo que corresponda!

Na mesa

A Páscoa foi bem no dia 1° de abril, mas o período pré-Páscoa foi todo em março, então acho que vale falar aqui. Semana Santa, aquela overdose de chocolate… E sem culpa, porque a data permite. Como não amar? Nem tenho fotos, mas quis deixar registrado!

Para inspirar

Sempre digo que o Dia da Mulher é (ainda) um dia de luta, e não de comemorações. Escrevi um textinho no Instagram que acho que vale como inspiração para a data – sim, tô citando a mim mesma como inspiração, mas vocês entendem, né? 😛

https://www.instagram.com/p/BgFT1r8nbyB/

Feliz por…

Participei como uma das palestrantes do “Encontro Mulheres Viajantes”, evento que contou com vários bate-papos inspiradores. Organizado pelo Na estrada com as minas, aconteceu no Bossa Nova Mall, no Rio de Janeiro e foi muito bom poder dividir com tantas mulheres um pouco das minhas andanças pelo mundo (especialmente viajando sozinha) e do trabalho aqui no blog. E também ouvi histórias incríveis e pude conhecer e conversar com pessoas muito bacanas. Foi uma tarde de compartilhamento de experiências!

Com Amanda e Bruna, que palestraram comigo, e Amanda do Na estrada com as minas (Crédito: Márcia Quinhões)

Não se esqueça dos parceiros do "Mariana Viaja" ao organizar sua viagem!
- Encontre e reserve sua hospedagem em qualquer lugar do mundo pelo Booking sem pagar nada a mais por isso! - Em destinos internacionais o seguro é obrigatório, compare preços pela Real Seguros e escolha o que melhor te atende. - Para estar com internet no celular durante toda a viagem, mesmo fora do Brasil, adquira um chip da EasySim4u. - Vai viajar sozinha? Baixe o ebook com dicas que vão te ajudar no planejamento!
Gostou? Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
0Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email